Publicidade

terça-feira, 6 de março de 2012

Empreendedorismo: Necessidade X Oportunidade



É visível que nos últimos anos temos tido um crescimento relevante no numero de novas empresas criadas em nosso país, sejam elas micro, pequenas, médias ou grandes, o empreendedor brasileiro definitivamente resolveu colocar suas idéias em ação e mesmo enfrentando as dificuldades das altas taxas de impostos e a complexa burocracia brasileira, o empreendedor não desistiu, e finalmente abriu seu negócio.

O sonho de ter seu próprio negócio faz parte da vida de inúmeras pessoas, quem não tem aquele sonho de ser seu próprio chefe e fazer as regras do seu jeito? É, muita gente. Podemos definir este sentimento como a semente do empreendedorismo, que em breve, se bem cuidada, irá render excelentes frutos.

Em geral, os empreendedores abrem seus negócios por dois motivos: Necessidade ou Oportunidade. E este é o assunto de nosso post.

Os negócios criados tendo como principal motivo a necessidade, na maioria dos casos são provenientes de momentos de dificuldade financeira por parte do empreendedor, onde devido a falta de emprego ou oportunidade de recolocação no mercado profissional, o mesmo se vê obrigado a abrir seu próprio negócio como forma de manter seu sustento e quitar suas contas mensais.

Boa parte das idéias de negócio criadas através da necessidade do empreendedor em obter receita, geralmente são modelos de negócio já existentes, sem grande inovação e que tem como objetivo gerar lucro a curto prazo. Em geral estes empreendimentos possuem baixo nível de fracasso a curto prazo, mas também deixam a desejar quanto a profissionalização, conhecimento de mercado e estrutura por parte do dono do negócio. O que falta de conhecimento é muitas vezes superado pela dedicação e empenho do empreendedor, que vê neste negócio sua única forma de sustento naquele momento. Desta forma, os negócios criados unicamente pela necessidade, podem se tornar grandes empreendimentos, mas na maioria dos casos são abandonados após uma nova oportunidade de emprego que venha a surgir para o empreendedor.

Os negócios gerados a partir de oportunidades de mercado são melhores estruturados, pois foram criados com base em estudos e conhecimento aprofundados das áreas em que se deseja atuar, ou seja, neste caso existe a visão mercadológica do empreendedor, que detecta uma necessidade a ser suprida no mercado, e desenha um modelo de negócio que venha a atender esta faixa de público que está ansioso por um determinado produto ou serviço.

A experiência na área e o investimento financeiro realizado, são fatores decisivos em um novo negocio criado com base nas oportunidades de mercado. Não estou dizendo que com um aprofundado este e investimento pesado é certeza de sucesso, mas, com uma estrutura alinhada e um bom planejamento, as chances de fracasso são bem reduzidas em comparação com um negócio criado apenas pela necessidade do próprio empreendedor.

Em geral, não dá para acertar com 100% de certeza a respeito do sucesso e fracasso de um empreendimento, existem fatores externos e internos (administrativos, perfil do empreendedor, etc.) que podem determinar o destino deste novo negócio, mas, vale a ressalva de que quanto mais o conhecimento e planejamento, melhor as chances de sucesso.

Acredito que este post possa ter feito você (leitor) pensar um pouco mais a respeito de empreendedorismo e das razões que nos levam a abrir o próprio negócio, espero que a semente tenha sido bem regada com esta mensagem e possa render frutos no futuro. Independente do negócio ser criado pelo principal motivos da necessidade ou oportunidade, o que vai fazer a diferença é o trabalho e o talento depositados dia após dia neste novo projeto.

Fique a vontade para entrar em contato conosco quando quiser, estamos a sua disposição para um bate papo sobre este post e outros assuntos.

Twitter: @leo2ts
“Os Sonhos nos Motivam, mas são as Idéias que nos Movem”

Deixe seu comentário a respeito do post publicado, sua opinião é muito importante para oferecermos um conteúdo com cada vez mais qualidade e relevância ao seu dia a dia.